Respire modernidade nos novos museus do Rio de Janeiro

SHARE

Quem ficou algum tempo sem visitar o Rio de Janeiro talvez se espante com a revitalização por que passa a cidade, com novos museus de projetos culturais e arquitetônicos ousados, além de outras intervenções urbanas que transformaram o cenário da capital. O carioca também está se acostumando a essas mudanças, mas não deixa de aproveitar o que de melhor essas instituições oferecem – sejam museus tradicionais que foram totalmente reformulados e até mudaram de endereço, sejam novos endereços onde se respira arte e conhecimento.

O Museu da Imagem e do Som (MIS) é uma dessas grandes referências da cultura carioca que em breve estará de casa nova. Com inauguração da moderna sede em Copacabana prevista para o final do ano, ganham atenção renovada suas coleções com mais de 300 mil documentos sobre o audiovisual brasileiro, com importantes registros do Brasil na era do rádio, no início da TV, além de um acervo de entrevistas com personalidades da cultura brasileira desde 1966. O projeto arquitetônico do Museu da Imagem e do Som recebe a bela paisagem da orla através de grandes vitrais com vista para o mar, escadarias, mirantes e um jardim suspenso com cinema ao ar livre.

Quando se conhece o Museu de Arte do Rio (MAR) é impossível não se apaixonar: a arquitetura, as exposições, os projetos de integração social com a região, a biblioteca e uma escola para educadores fazem desse museu um dos maiores fomentadores culturais na cidade. Todo domingo o MAR é gratuito e o público pode conferir a vista da Baía da Guanabara numa visita guiada. Em seguida, vale dar uma esticada até a loja de design, o café ou o bistrô. O prédio anexo ao museu conta com a Escola do Olhar, que promove cursos e workshops para a comunidade.

Entre as novas instituições que a cidade ganhou, o Museu do Amanhã se destaca pelo seu projeto imponente e pela interação que promove com o público, o que o coloca ao lado da novíssima geração de museus de ciências do mundo. O segundo andar é imperdível: uma imersão multimídia estruturada em cinco momentos – Cosmos, Terra, Antropoceno, Amanhãs e Nós – questiona sobre a origem do universo. Adultos e crianças têm acesso a experiências digitais e interativas em workshops, palestras e encontros periódicos.

A Cidade das Artes, grandioso espaço da Barra da Tijuca, é o lar de diversos festivais de música, artes, teatro e performances artísticas. Privilegiando a tecnologia, as salas têm tratamento acústico de alto padrão e recebem eventos como o Brasil Jazz Festival, Back2Black, Rio Orquestra, Rio H2K e a conhecida feira de animação gráfica Anima Mundi. Há cafeteria e bistrô para fazer uma pausa e os frequentadores também contam com salas de leitura, de cinema, midiateca e muito mais.

Por conta da novidade, a procura por esses espaços e museus tem sido massiva. Por isso, quando for programar suas visitas, vale checar antes horários, programação e disponibilidade das atrações.

Museu de Amanhã

1 Praça Mauá Rio de Janeiro RJ 20081-240

Get Directions
[gmw_results]

Our writers' favourites

X
- Enter Your Location -
- or -